segunda-feira, 28 de maio de 2012

25º Encontro dos Urban Sketchers - Alenquer

Ontem realizou-se o 25º encontro dos Urban Sketchers em Alenquer. Fomos muito bem recebidos pelo Presidente da Câmara, com direito a uma pequena apresentação da vila e um video para acompanhar, não esquecendo uma prova de vinhos ou não tivéssemos nós sido recebidos no Portal do Vinho do Oeste.
Logo à saída nem sequer comecei a subir as escadas. Sentei-me logo para o primeiro registo do dia.


Na esquina seguinte apareceu-me esta paisagem à frente, cheia de verdes, que me pareceu ser a ocasião perfeita para experimentar a minha caneta-pincel nova com tinta permanente e para treinar a variedade de verdes com que normalmente luto na minha paleta.
Estava sentado numa rua só pedonal, toda em calçada, muito calma. Enquanto desenhava alguém atrás de mim tratava da roupa acabada de lavar.


Uns 20 metros mais à frente vi esta ruela à qual não resisti. A perspectiva era fantástica.


Alenquer tem muitas escadinhas e ruelas por onde nos podemos "perder" a desenhar. Os 3 primeiros desenhos da manhã foram feitos num percurso de cerca de 100m... literalmente em cada esquina que passava encontrava um motivo para desenhar.


À tarde optei por passear mais um pouco e quis subir ao alto para a zona do castelo.
O castelo (ou o que sobra dele) não encontrei, mas encontrei esta vista panorâmica. Enquanto desenhava pude ver a procissão a sair da igreja lá do fundo para percorrer as ruas da vila, sempre com o sino a fazer-se ouvir.


De manhã houve que tivesse visitado os claustros do convento (o mesmo de onde saiu a procissão) e eu não queria deixar de pelo menos passar por lá. Pus-me a caminho mas fui retido por mais umas escadinhas, desta vez com um arco e uma passagem por cima. Propus-me a desenhar rapidamente para ainda chegar ao convento.


Finalmente consegui chegar ao convento e aos claustros. Muito bonito. Não quis vir-me embora sem os desenhar, mas infelizmente o tempo já não era muito e o objectivo foi demasiado ambicioso, pelo que o desenho ficou inacabado (pelo menos não ficou com o acabamento que gostaria de lhe ter dado).


No final do dia ainda tivemos oportunidade de visitar o Museu João Mário com uma visita guiada feita pelo próprio, onde pudemos ver uma colecção impressionante de quadros do pintor João Mário e de uma variedade de outros autores que foi coleccionando ao longo da vida. A colecção impressiona pela quantidade e também pela qualidade. Aconselho vivamente a quem gostar de pintura a visita a este museu.

Mesmo no final o Mário L. teve direito a um directo na TVI para um programa a partir de Alenquer. Os cadernos dos Urban Sketchers apareceram na TV!!

Só posso agradecer a Alenquer e aos seus responsáveis por nos terem proporcionado um dia excepcional que não tenho dúvidas que foi do agrado de todos.

2 comentários:

Maria Celeste disse...

...parabéns Filipe...
...encontrar tantos motivos de interesse e rápidamente desenha-los bem é magnífico...
...também o museu é a não perder...

Manuela Rolão disse...

Adorei texto e desenhos!Parabéns!